Repetição da Lei

“Pois o Senhor teu Deus te abençoou em toda a obra das tuas mãos; …; estes quarenta anos o Senhor teu Deus esteve contigo, coisa nenhuma te faltou” (Deuteronômio 2:7).

O livro de Deuteronômio contém uma mensagem dinâmica para o povo de Deus.
Depois de vaguearem pelo deserto por 40 anos, os filhos de Israel achavam-se então no limiar da Terra da Promessa.
A primeira geração que deixara o Egito e testemunhara os grandes sinais havia morrido no deserto (exceção de Josué e Calebe).
O que aguardava a segunda geração?
Quais seriam os problemas peculiares a enfrentar do outro lado do Jordão?
Estariam eles dispostos a renovar a aliança com Deus?
A) A primeira geração de Israelitas testemunhou a abertura do Mar Vermelho; a segunda testemunharia a abertura do rio Jordão.
B) A primeira geração firmou aliança com Deus aos pés do monte Sinai; a segunda geração deveria firmar aliança com Deus aos pés do monte Gerizim e Ebal.
De tempos em tempos as novas gerações passam por momentos de dúvidas e questionamentos em relação às grandes obras de Deus e é importante lembrarmos das grandes obras de Deus em nossas vidas e passarmos adiante.
Experimente contar para os seus filhos, amigos, vizinhos o que Deus já fez em sua vida.
Aprendemos também que cada um de nós e cada geração é responsável para decidir seguir a Deus ou não