Relacionamento

“Se não ouvirdes e se não propuserdes, no vosso coração, dar honra ao meu nome, diz o Senhor dos Exércitos, enviarei a maldição contra vós, e amaldiçoarei as vossas bênçãos; e também já as tenho amaldiçoado, porque não aplicais a isso o coração” (Malaquias 2:2).

Malaquias é extremamente profético e eu digo isso porque ele tem a coragem e a ousadia de denunciar a religião que tem forma de piedade, mas nega o poder de uma vida inteiramente envolvida com Deus.
Constantemente eu encontro pessoas que me dizem: “A prática da religião é boa, Leandro, apenas a religião é o suficiente para o homem“.
Pelo que nós vemos no livro de Malaquias, eles estavam praticando a sua religiosidade, mas aquela religiosidade era tão ruim que ao invés de ela trazer algum benefício àquele povo, ela prejudicava o povo.
Ao invés daquela religiosidade agradar a Deus, ela ofendia a Deus, você precisa entender que Deus não quer religiosidade de nossas vidas, Deus quer
relacionamento e nós precisamos nos despertar para isso.
Eu tenho dito vezes após vezes e que Deus me ajude a continuar dizendo porque o grande plano de Deus é que nós nos relacionemos com Ele; não simplesmente passemos a praticar uma vida religiosa mecânica, desprovida de qualquer significado.
Deus tem um propósito para toda a humanidade: relacionamento.