Noé: justo e bom

“Noé, porém, achou graça aos olhos do Senhor. Estas são as gerações de Noé. Noé era homem justo e perfeito em suas gerações; Noé andava com Deus” (Gênesis 6:8, 9).

Noé foi o primeiro homem da Bíblia a ser chamado de justo, mas a sua justiça não era um esforço humano para tentar sensibilizar Deus com suas obras.
Sua justiça era resultado de levar a Palavra de Deus a sério, de crer em Deus, de temer a Deus.
Isso quer dizer que quando todos abandonaram a Deus, quando todos perguntaram: “quem crê em Deus?”, Noé se levantou e disse: “eu creio em Deus”.
Ele era este bendito solitário que se agarrou a Deus quando todos os outros O abandonaram, apenas um homem e a salvação de Deus estava à disposição, uma bela descrição da graça de Deus e da salvação que Ele provê.
A primeira coisa que Noé fez ao sair da arca, após 371 dias, foi obedecer a Deus, foi adorar a Deus (Gênesis 9:18-25).
Mas se você tivesse permanecido na arca por todo este tempo, qual seria a primeira coisa que você faria?
Você adoraria a Deus?
Você sairia da arca para edificar um altar a Deus?
As pessoas que entendem que receberam a graça de Deus agem assim, e hoje eu acredito que Deus está falando com você; você vive em uma sociedade de trevas, mas você não precisa se render a ela, você pode ser diferente, você pode se render à mensagem de Deus e deixar que esta mensagem faça toda diferença