Firmes

“Tendo recebido a palavra posto que em meio muita tribulação” (1 Tessalonicenses 1:6).

A implantação da Igreja de Tessalônica acontece numa situação bastante curiosa; em Atos 17 temos o registro desta experiência missionária de Paulo.
Aquela era uma grande cidade para aqueles dias, cerca de 200 mil pessoas; o apóstolo passa a ensinar os gentios, isto é, aos não judeus, mas sob severa perseguição.
Talvez ele tenha permanecido poucos meses ali, quem sabe dois meses no máximo, e ele então tem que sair daquela cidade.
Qual seria o fim daquela igreja recentemente implantada?
Você sabe que para se estruturar uma igreja anos a fio são necessários, para se gerar liderança, colocar pessoas capazes, discipular pessoas; o apóstolo Paulo não teve esta oportunidade.
Porém, Deus tem um estilo sempre surpreendente.
Aqueles crentes que receberam a palavra em meio a grande tribulação não abandonaram a fé, eles permaneceram fiéis à mensagem que receberam; e por que o fizeram?
Porque tinham um exemplo em Jesus e no apóstolo Paulo; assim como viram Paulo resistindo a severas perseguições, eles também resistiam a severas perseguições.
Nós, portanto, podemos aprender o seguinte: não podemos olhar para os problemas que enfrentamos e, simplesmente, desistirmos de tudo; nós precisamos perseverar na palavra de Deus.
Precisamos lembrar que o patrimônio interior que Deus nos dá não pode ser levado por outros a menos que nós o entreguemos.