Do outro lado da vida

“Eis aqui vos digo um mistério: na verdade nem todos dormiremos, mas todos seremos transformados” (1 Coríntios 15:51).

Deus não nos deu todas as informações sobre a vida depois da morte.
Mas Ele nos deu uma visão geral. É como se do alto de um monte você avistar um vale e uma cidade.
De lá você não consegue ver o que as pessoas estão fazendo, mas você sabe que é um lindo lugar.
Essa visão deve ser o suficiente para você querer estar lá.
É isto que acontece quando subimos no monte das profecias bíblicas.
Nós só temos uma visão, mas é o suficiente.
2 Coríntios 5:10 diz que todos devemos comparecer ante o tribunal de Cristo para que cada um receba o que tiver feito em carne.
É mais ou menos assim: quando somos salvos é como se o Senhor nos abrisse uma conta bancária no céu, e no momento de fartura de alegrias e delícias perpétuas temos as nossas obras julgadas.
1 Coríntios 3:11-15 diz que Deus julgará nossas obras pelo fogo.
As obras que não resistirem ao fogo são as que não foram feitas pelo motivo certo, ou na atitude certa.
Aos olhos dos homens podem até parecer ouro, pedras preciosas.
Mas na verdade nada mais são do que madeira, feno ou palha.
E o julgamento revelará que tipo de obras realizamos.
Receberemos galardões que vão fazer diferença enquanto estivermos reinando com Cristo.