Deus fiel

“Contudo atentou para sua aflição, ouvindo o seu clamor” (Salmo 106:44).

O povo hebreu era um povo rebelde.
Aquela nação constantemente desobedecia a Deus.
No Salmo 106 Deus lhes diz que eles deveriam lançar fora os outros povos rebeldes e eles não fizeram.
Deus fala que eles não deveriam adorar os falsos ídolos, eles os adoraram.
Eles fizeram ainda pior.
O texto nos diz que eles chegaram a ponto de sacrificar seus próprios filhos.
Veja o que dizem os vv. 37 e 38: “… pois imolaram seus filhos e suas filhas aos demônios e derramaram sangue inocente…”.
O que aquela nação merecia?
Merecia ser dizimada, destruída por Deus.
De fato, Deus se irou contra esse povo muitas vezes.
Porém, quando eles se arrependiam, quando eles clamavam a Deus, Deus os livrava da opressão de seus inimigos.
Deus tem um amor fiel para com o Seu povo.
Deus pode trazer disciplina sobre o Seu povo, mas, sempre que o Seu povo se arrepende e clama, Deus tem Seu braço estendido.
O amor fiel de Deus é motivo para expressarmos nossa gratidão, porque Deus não nos abandona, ainda que os nossos pecados sejam escuros, tenebrosos; quando clamamos a Ele, ali está Deus, disposto a nos perdoar, a nos dar mais uma chance para continuarmos caminhando.
O amor de Deus é um amor fiel, e este amor é a grande motivação para um coração grato!