Consolo em meio às tribulações

“Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo; que nos consola em toda a nossa tribulação” (2 Coríntios 1:3a; 4a).

Em 2 Coríntios, capítulo 1, Paulo agradece a Deus pelo consolo recebido, em meio às tribulações pelas quais está passando.
Paulo passou por muitas tribulações na Ásia, a ponto de se desesperar.
As dificuldades pelas quais passou, aconteceram para prepará-lo para ministrar aos necessitados.
Todo o sofrimento que enfrentou lhe ensinou a confiar mais em Deus.
Às vezes nós também sofremos, passamos por grandes tribulações, que são consequências dos erros que cometemos.
Outras vezes, como aconteceu com Paulo, sofremos para aprender a confiar mais em Deus.
Paulo foi escolhido para levar a verdade do Evangelho aos gentios, pelas qualidades que possuía.
A nossa missão é pregar o Evangelho a toda criatura.
Para sermos escolhidos devemos ter as qualidades de Paulo: amar a Deus; levar uma vida de oração; aceitar todas as vicissitudes com alegria, tranquilidade, confiança inabalável em Deus.
Para servir ao Senhor temos de imitar o exemplo de Paulo.
Temos que exercitar sempre a fé, a esperança, o amor e termos pela glória de Deus, o mesmo zelo ardente que Paulo tinha.
Tenhamos sempre em mente que nossa missão é pregar sempre, e, se necessário, usarmos as palavras.