Você já O conhece?

Â

“Agora, Senhor, despede em paz o teu servo, segundo a tua palavra” (Lucas 2:29).

Â

Em Lucas capítulo 2, encontramos a história de um homem chamado Simeão.

Simeão era um ancião que servia a Deus no templo, constantemente.

A Bíblia nos diz que ele era um homem piedoso, justo, íntegro.

O versículo 29 nos ensina que ninguém está pronto para morrer enquanto não tiver tido um contato pessoal com Jesus.

Ninguém está pronto para partir desta vida, sem que conheça a Jesus, sem que tenha um relacionamento com Jesus.

Sem que estabeleça contato com o Filho de Deus.

Por quê?

Nós precisamos ver Jesus porque todas as referências sobre o nascimento de Jesus afirmam que Ele é o Salvador, ou seja, Ele

é Aquele que veio para nos salvar.

Mas, salvar do quê?

Salvar-nos do pecado.

Jesus veio para nos garantir o perdão.

Jesus nos garante a vida eterna.

Você já viu a Jesus?

Eu quero dizer, você conhece Jesus?

Quando conheci Jesus, havia acabado de ouvir uma pregação, as pessoas cantavam uma canção que falava de Jesus.

E, naquele dia, algo especial aconteceu comigo.

Decidi ver Jesus em minha vida todos os dias.

Vê-lo através da leitura de Sua Palavra, e dos momentos de oração.

Quem vê Jesus não é mais a mesma pessoa.

Tomé quando viu a Jesus, exclamou:

”Senhor meu e Deus meu”.

Hoje convido você a conhecer Jesus.

Â

Urgente

Â

“Antes exortai-vos uns aos outros todos os dias, durante o tempo que se chama Hoje, para que nenhum de vós se endureça pelo engano do pecado” (Hebreus 3:13).

Â

William Barclay contou uma fábula que fala sobre três demônios aprendizes vindo à terra para terminar sua aprendizagem.

Eles falavam com Satanás, maioral dos demônios, sobre seus planos para tentar e arruinar os homens.

O primeiro falou, “Eu lhes direi que não há um Deus”.

Satanás disse, “Isso não vai enganar muitos, pois eles sabem que há um Deus”.

O segundo disse, “Eu lhes direi que não há um inferno”.

Satanás respondeu, “Você não enganará ninguém dessa forma; homens já sabem que há um inferno”.

O terceiro disse, “Eu direi aos homens que não tenham pressa”. “Vá”, disse Satanás, “e você os arruinará pelos milhares”.

A mais perigosa de todas as ilusões é a de que há tempo de

sobra.

O dia mais perigoso na vida de um homem é quando ele aprende a palavra ‘amanhã’.

Há coisas que não podemos adiar, pois nenhum homem sabe se, para ele, o amanhã virá.

“Portanto, vede diligentemente como andais, não como néscios, mas como sábios, usando bem cada oportunidade, porquanto os dias são maus” (Efésios 5:15,16).

Â

Sacrifícios vivos

Â

“Rogo-vos, pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos em sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional” (Romanos 12:1).

Â

Nessa sociedade em que vivemos, de múltiplas corrupções, Deus nos chama para fazermos a diferença.

Deus nos chama para sermos pessoas que honrem Seu Nome, pessoas cujas atitudes são sacrifícios aprazíveis a Deus.

Nós notamos tudo isso na vida de homens como Lutero, John Huss, John Wesley e tantos outros nomes.

Esses homens resolveram permanecer fiéis às verdades divinas, ao invés de se renderem à hipocrisia religiosa dos seus dias.

Obviamente, essa diferença não ocorre a partir das massas, e, sim, de indivíduos, de pessoas comuns como nós, que se conscientizam que chegou a hora de levar Deus a sério.

Devemos ser diferentes na essência do nosso ser.

Não é só no Antigo Testamento que Deus requer sacrifícios, mas no Novo também.

Obviamente, não do ponto de vista físico como eram praticados pela nação de Israel, no Antigo Testamento.

Mas, do ponto de vista espiritual, como vemos o apóstolo Paulo escrever em Romanos 12:1: ‘os vossos corpos em sacrifício vivo’.

Naqueles dias, o sacrifício acontecia com animais mortos, hoje, o sacrifício é vivo, e, acontece através dos nossos corpos, através de toda a extensão do nosso ser ‘santo e agradável’.

Â

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipiscing elit. Phasellus consequat, odio in facilisis consectetur, nisi nibh faucibus nibh, ac placerat leo tortor vel quam.